luminária, luminária de mesa, led, iluminação, anamorfismo, forma, materiais, lã, metal, brillia, Marcelo Lima, Belas Artes,Ricardo Benucci, Ricardo, Benucci, arte, art, design, mobiliário, mobília, furniture, wood, madeira, salão de milão, salão satéite de milão, salone del milano, salone del mobile milano, luxo, luxury, mobilia luxo, luxury furniture, haute design, milan furniture fair, jovem designer, young designer, designer, decoração, interiores, design de interiores.

A realização conjunta da Bertolucci, Brilia LED e Belas Artes sob curadoria do jornalista e crítico de design Marcelo Lima consolidaram o projeto B de Brasil. A proposta de conectar a sensibilidade criativa de alguns dos mais talentosos designers brasileiros com referências da arte brasileira na criação de luminárias únicas produzidas pela Bertolucci. 

 

B de Brasil é o projeto para homenagear artistas contemporâneos brasileiros. A convite de Marcelo Lima, 6 escritórios de design criaram uma coleção de luminárias que representam o país com lançamento em Milão, durante a Design week 2019.

 

Em Anamórfica, luminária que revisita a obra de Ângelo Venosa, Lucas Lima e Ricardo Benucci se propõem a realizar uma mimese da relação esqueleto e pele, para assim atingir um esboço de forma final, ainda que mutável e inconstante. Para a estrutura, foi eleito o latão escovado, enquanto a cupúla é feita de lã natural. A luminária apresenta uma poética veemente, à medida em que a estutura metálica simboliza os ossos e a cupúla a pele de um ser vivo, já a luz se manifesta como a alma, a vida, princípio vital.

luminária, luminária de mesa, led, iluminação, anamorfismo, forma, materiais, lã, metal, brillia, Marcelo Lima, belas artes, belas, artes, febasp, Ricardo Benucci, Ricardo, Benucci, arte, art, design, mobiliário, mobília, furniture, wood, madeira, salão de milão, salão satéite de milão, salone del milano, salone del mobile milano, luxo, luxury, mobilia luxo, luxury furniture, haute design, milan furniture fair, jovem designer, young designer, designer, decoração, interiores, design de interiores.
Em Anamórfica, luminária que revisita a obra de Ângelo Venosa, Lucas Lima e Ricardo Benucci se propõem a realizar uma mimese da relação esqueleto e pele, para assim atingir um esboço de forma final, ainda que mutável e inconstante. Para a estrutura, foi eleito o latão escovado, enquanto a cupúla é feita de lã natural. A luminária apresenta uma poética veemente, à medida em que a estutura metálica simboliza os ossos e a cupúla a pele de um ser vivo, já a luz se manifesta como a alma, a vida, princípio vital.

''Angelo venosa é um artista que possui um grande fascínio pelo anamorfismo. Suas obras lembram esculturas anatômicas como vertebras e ossos, tendo foco nos desdobramentos que antecedem a forma, as subformas e o bidimensional que juntas formam o tridimensional, o pensamento em camadas.

 

No desenvolvimento do nosso projeto adotamos essa forma de pensamento projetual que venosa traduz em suas obras, através da decomposição da forma em camadas e depois reconstruir essa forma, de dentro para fora, numa mimese da relação de esqueleto e pele, e assim chegamos no corpo final do projeto.''

 

Lucas Lima e Ricardo Benucci